Como se faz uma Mostra Cultural?

  • Segunda, 09 Dezembro 2019 11:32

por Colégio Oswald de Andrade

A necessidade de criar momentos em que os aprendizados adquiridos por nossos estudantes sejam compartilhados está conectada a um projeto pedagógico que privilegia o aprendizado por meio de processos colaborativos. Trabalhando juntos, durante todo o ano, os diversos agrupamentos (turmas, séries ou grupos multisseriados) que levam suas produções às instâncias de compartilhamento com a comunidade vivenciam um trabalho pesquisa e produção autoral que culmina nas Mostras Culturais do Oswald, realizadas em três de nossas unidades.

O Coordenador de Projetos e Produção Cultural do Oswald, Marcel Hamed explica que, mesmo se tratando de eventos distintos, existe uma sintonia entre os projetos que dão o tom ao contexto geral da Mostra Cultural oswaldiana. “A unificação dos eventos se dá nas práticas pedagógicas que compõem o processo, baseadas em nossos pilares, e também por fios condutores que dão um tom único do Oswald às mostras, mas respeitando as especificidades de cada uma de nossas unidades”, explica Marcel. 

Todos os trabalhos são desenvolvidos com base em projetos de série, em discussões realizadas em sala de aula, a partir de leituras realizadas durante o ano letivo, nas atividades dos Estudos do Meio, ou, ainda, nascem a partir de uma variedade de processos que encontram eco no grupo. No momento em que os temas são definidos em cada unidade e a Direção e Coordenação Pedagógica dão início aos trabalhos específicos para a Mostra, contando com professores especialistas e com a Coordenação de Projetos e Produção Cultural, cada uma destas práticas ganha nova vida e caminha para sua culminância.

Com temas e trabalhos sugeridos em mãos, a equipe realiza uma curadoria e criam os percursos para cada mostra. Matérias, instalações, expografia, interatividade e muitos outros temas entram em diálogo para significar o percurso de aprendizagem dos alunos em um momento tão importante de compartilhamento com a comunidade escolar.

Confira, a seguir, os detalhes de nossas Mostras Culturais de 2019 e saiba por que elas são um marco para a vivência de nossos alunos e familiares:

‘Diálogos’, na Unidade Girassol

Além de ser um de nossos maiores eventos, a Mostra Cultural da Unidade Girassol foi também a primeira a ser realizada em 2019. Com o tema ‘Diálogos’, a mostra envolveu as turmas de G5 da Educação Infantil ao 5º ano do Ensino Fundamental I. 

Quem esteve na Unidade Girassol pôde participar de vivências, além de acompanhar muitas atividades expositivas e interativas pensadas pelos alunos. “A Mostra da Girassol envolve muitos elementos em sua concepção. Coordenação, alunos, professores e outros departamentos, como Comunicação e TE, estão diretamente envolvidos em todo o processo”, explica Marcel. 

Os temas pesquisados pelos estudantes neste ano tocaram debates importantes da sociedade, como racismo, resistência, produção de lixo, aquecimento global, territorialidades e muitos outros. Com isso, tivemos um evento diverso, que atraiu toda a comunidade oswaldiana, incluindo ex-alunos, que fizeram questão de prestigiar a Mostra.

‘Olhar através’, na Unidade Madalena

Inaugurada neste ano, a Unidade Madalena recebeu sua primeira Mostra Cultural em 2019! Com o título ‘Olhar através’, o evento convidou as famílias da Educação Infantil, que participaram ativamente das atividades propostas junto com seus filhos, desenvolvendo novos olhares.

O envolvimento das crianças pôde ser notado na apresentação de seus trabalhos, reunidos em espaços temáticos que propunham um conjunto de garatujas, colagens, esculturas, instalações, imagens e outras produções organizadas por frestas e janelas, cores vermelha e verde, água, luz, transparência e, até mesmo, mistério!

“Essa Mostra não foi pensada para ser apenas expositiva, mas sim vivencial, o que permitiu aos visitantes um real envolvimento com os projetos e interação com as crianças”, contextualiza Marcel.

‘(Re)Leituras de Mundo’, na Unidade Cerro Corá 

Com o tema ‘Re(Leituras de Mundo)’ a Mostra Cultural da Unidade Cerro Corá teve seu processo de desenvolvimento baseado na curadoria de projetos realizados durante o ano letivo. Com atividades expositivas e dialogadas, a mostra proporcionou uma super interação entre os alunos e a equipe.

Além de permitir aos alunos uma participação muito ativa durante todo o processo de seu desenvolvimento, a Mostra da Cerro Corá é conhecida por recriar espaços, o que chamamos de mapa expográfico, que consiste na concepção do que será apresentado dentro do espaço escola, criando novos “lugares”.

Existe também um planejamento muito grande, iniciado ainda em reuniões de série. “Quem visitou a Mostra sabe que recriamos uma caverna aqui dentro da escola, e isso começou quando a coordenação trocou a viagem de Estudo do Meio de São Luiz do Paraitinga para o Parque Estadual Turístico do Alto Ribeira (PETAR). E, de lá, surgiu a ideia de construir a réplica de uma caverna, o que permitiu que os alunos trabalhassem proporções e outros conteúdos”, define Marcel.

 Confira como foram as Mostras Culturais do Oswald na galeria de fotos.